AJUDE O BLOG - COMPRE LIVROS NO LINK

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Jason Goodwin - A Serpente de Pedra


A Editora Suma de Letras está publicando o livro A Serpente de Pedra de Jason Goodwin que tem a seguinte sinopse:

Jason Goodwin, autor de A Árvore dos Janízaros, desvenda em seu novo livro uma engenhosa trama policial nas ruas misteriosas de uma cidade secular. Após A Árvore dos Janízaros apresentou aos fãs de romances policiais um universo ? a Istambul do século XIX ? e um personagem ? Yashim, o detetive eunuco ? tão complexos quanto fascinantes. Neste cenário inusitado para um gênero literário, no qual predominam metrópoles ocidentais e investigadores implacáveis, A Serpente de Pedra prova que nada conta mais para um romance policial do que uma boa história e um detetive inteligente, observador e corajoso. O ano é 1838, e o sultão está à beira da morte, bem como a própria dinastia otomana. Mortes também vêm ocorrendo nas apertadas e escuras ruas da capital, Istambul. Max Lefèvre, um arqueólogo francês de reputação duvidosa, chega à cidade empenhado na busca de um tesouro bizantino. As pistas de que dispõe são quentes, mas homens perigosos sabem de sua empreitada. Temendo por sua vida, Lefèvre recorre à ajuda do eunuco Yashim, que, sob a fachada de mero servente do palácio do sultão, é um detetive sagaz e diligente. Relutante, Yashim aceita ajudá-lo a escapar da cidade ? e logo percebe que teria feito melhor em não se envolver. Quando o corpo esquartejado de Lefèvre aparece próximo aos portões da embaixada da França, o detetive, último homem a estar com a vítima antes do crime, se torna o principal suspeito. Na tentativa de limpar seu nome, ele vai conhecer a organização secreta Hetira, que comanda uma rebelião silenciosa contra a autoridade otomana. Em A Serpente de Pedra, Yashim travará uma batalha para desfazer o mal-entendido, envolto no turbilhão criado com a possibilidade de reviver o Império Bizantino Sobre o autor: Jason Goodwin se encantou com Istambul ao estudar história bizantina na Universidade de Cambridge. Depois de cruzar a Europa Oriental a pé em cinco meses, aprofundou seu conhecimento sobre a influência turco-otomana na região e publicou livros premiados sobre o assunto. Mora em Sussex, na Inglaterra, com a esposa e os quatro filhos.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...